Novas do Gil
Pesquisa

DO NATAL AOS REIS
Por António Lourenço (Professor), em 2017/12/12153 leram | 0 comentários | 48 gostam
Não falta que fazer nesta quadra, aproveitando-se a pausa letiva.
13 de dezembro, data das comemorações do 16º. aniversário da atribuição ao Centro Histórico do galardão de Património Cultural da Humanidade marca o arranque da iniciativa “Do Natal aos Reis. Com efeito, nesse dia decorrerá uma visita guiada ao quarteirão de Couros (15,30 horas), a que se segue uma alocução do Presidente da Câmara vimaranense, a ter lugar pelas 16,30 horas, no Largo da Oliveira; e, logo de seguida, o espetáculo de teatro/música “Guimarães – Sítio de Memórias”, a cargo do grupo “Os Musiké”. O programa contempla ainda a inauguração da exposição de arte urbana “As paragens onde o tempo habita”, patente nas paragens dos transportes citadinos e o lançamento da revista “Veduta nº. 11, na Casa da Memória (18,30 horas), encerrando o evento com a denominada “Corrida pelo Património”, a iniciar às 21 horas, com partida e chegada no Largo da Oliveira.
Porém, o património manter-se-á na ribalta nesta mesma data, uma vez que, neste mesmo 13 de dezembro, decorre também a tradicional Romaria de Santa Luzia, cujas raízes populares e origens se perdem nos confins do tempo, conciliando religioso e profano. Uma romaria bem conhecida pelas suas guloseimas das “passarinhas” e “sardões”, cheias de significado brejeiro e sexual:
Sedutor e à meiguinha
Diz à Eva, o Adão:
Se me deres a passarinha
Eu dou-te o meu sardão!
   
Entretanto, uma série de Concertos de Natal (descentralizados) constituirão ainda o cerne da iniciativa. Deste modo, no dia 15, a Orquestra do Norte atua no Paço dos Duques de Bragança (21,30 horas), enquanto o Quarteto de Cordas de Guimarães e o Coro Vilancico estarão na Igreja de S. Domingos, no dia seguinte, à mesma hora. A fechar este primeiro fim de semana musical, o Grupo Coral de Azurém exibir-se-á na tarde de domingo (16 horas), na Igreja Românica de Serzedelo.
Ademais, na semana seguinte, iniciada na quinta-feira, dia 21, exibir-se-ão pelas 21,30 horas, na Domus Vitae (junto à Igreja Paroquial de Creixomil), o Grupo Coral de Pevidém e o Orfeão de Guimarães e no dia imediato, sexta-feira, entoar-se-ão “Canções de Natal da Galiza e Portugal”, na Igreja da Oliveira (21,30 horas). O encerramento será levado a cabo na Igreja de S. Francisco, no sábado, também às 21,30 horas, com “Clássicos de Natal” interpretados por Carlos Guilherme, Filipa Lopes e Pedro Vieira de Almeida.

Porém, os melómanos terão ainda ensejo de assistir a um espetáculo de Videomapping no Largo da Oliveira e Praça de S. Tiago, no decurso da passagem de ano, com consagrados DJs e a um Concerto de Ano Novo, no dia 1 de janeiro (17 horas) pela Orquestra de Guimarães, no grande auditório do Centro Cultural Vila Flor (CCVF).
Por seu turno, as Reisadas, no dia 6 de janeiro, fecham com chave de ouro a iniciativa, com a costumeira sessão do “Cantar dos Reis”, a realizar no Largo da Oliveira.
Mas, para além das atividades específicas da quadra natalícia, Guimarães oferece muitas outras propostas lúdicas dignas de registo e dos maiores encómios.

Assim, no teatro assume honras de protagonismo a residência artística em Guimarães do conceituado Luís Miguel Cintra, que em Janeiro apresentará em estreia absoluta, no Centro Cultural Vila Flor, o espetáculo “Um D. João Português”.

 Por sua vez, em matéria de exposições, recomenda-se no Cento de Artes José de Guimarães uma visita ao trabalho singular de Mumtazz e a “Luís Filipe de Abreu, Ilustrador”, bem como à mostra de desenho e animismo “Extática Esfinge” e, obviamente, à coleção permanente e outras obras de José de Guimarães sob a denominação genérica “Cosmic, Sonic, Animistic”; e, no piso inferior, obras de um conjunto de artistas no âmbito do desenho.
 Sugere-se ainda a exposição “Leonardo da Vinci – o inventor”, no Paço dos Duques de Bragança e outrossim, uma visita à Bienal de Ilustração de Guimarães, patente no CCFV, bem como uma deslocação à Casa da Memória que apresenta a exposição permanente “Território e Comunidade: da Fábrica Pátria à Casa da Memória de Guimarães”.

O cinema, por sua vez, após as sessões do início de dezembro, traz-nos nos dias 12 e 19 o ciclo “As outras faces do Cinema Soviético”, no pequeno auditório do CCVF (21,45horas) e ainda as sessões habituais no dia 20, com o filme “Cabeça D’Asno – Porto” de Pedro Bastos e no dia 21, as projeções de “O Homem Eterno” de Luís Costa e “O Outro lado da Esperança” de Aki Kaurismaki.
Entrementes, no circuito comercial estarão certamente em destaque nas salas dos shoppings os novos filmes anunciados: “Ferdinando”, a aventura do touro espanhol que quer fugir às touradas; “Paddington 2”, que conta a história do roubo de um livro único; “A Magia dos Póneis”, acerca do salvamento pelos pequenos póneis da Poneilândia, ameçada por bruxas malvadas; “O Homem que inventou o Natal”, a história do escritor Charles Dickens, que depois de seis semanas muito difíceis escreve “Um Conto de Natal”; e, “Os Últimos Jedi”, da saga “Star Wars”, com duas horas e meia de duração.

Igualmente, o Serviço Educativo do CCFV oferta um conjunto de Oficinas de Natal, à volta dos contos, cenografia, som e mistério denominado “Dark Christmas”, orientado para os mais novos (6 aos 12 anos).

No desporto, há futebol em casa apenas no dia 23, com a disputa Vitória-Tondela (18,15 horas) e ainda 3 deslocações próximas: ao Porto, para a Taça de Portugal, no dia 14 e duas outras quase em casa, ou seja, a Moreira de Cónegos, com ocorrências no dia 18, pelas 19 horas, para mais uma jornada da Liga Profissional; e no dia 30 para a Taça da Liga.
 
Mas também chegam às livrarias muitas histórias para ler e oferecer. Por exemplo, no dia 15, ocorre na Biblioteca Raul Brandão (18,30 horas) o lançamento da revista infanto-juvenil Bairro Afonsino e em Urgezes apresenta-se o livro “Auto de (Santo Estevão) Urgezes – O Monólogo do Truão” de autoria de Paulo César Gonçalves.
 E há prendas a comprar, museus para (re)visitar e/ou curtir ciência …

Na verdade, não falta que fazer!

Texto escrito por
Álvaro Nunes


Comentários

Escreva o seu Comentário